Total de visualizações de página

sexta-feira, 24 de agosto de 2012

A RÁDIO QUE TOCA O QUE TE CHOCA (PARTE 1)

N
o bar, Alexia dedilha num velho piano a música Rearview mirror, do Pearl Jam. Escocês e as amigas de Alexia aplaudem.

- Nossa, Escocês! E não é que ele continua afinadinho mesmo depois das bombas?
- São Patrício é o homem, Alexia...
- Isso aí, Alexia!- Tassiana felicita a amiga- Mesmo trocando os pé, ainda consegue tocar desse jeito!

Bárbara entra no bar, aplaudindo também.

- Caramba, Lex. Tava ótima! E olha que ocê nem é tão boa no piano quanto eu... Oi, garotas!
- Oi, Barbie.- As amigas de Alexia a cumprimentam.
- Meninas!
- Oi, prima!

Alexia se levanta do banquinho do piano para cumprimentar a prima, mas por causa do álcool, ela sai esbarrando nas mesas e com um sorrisinho maroto de bêbada.

- Mas ocê, hem, Lex? Tinha saído de casa tão pra cima...
- Esquece, Barbie, esquece... E aí? Cadê o Uli e os outros dois?
- Parece que deu uma quebra geral lá na Aterro FM, e ele levou os dois junto pra tentar consertar as coisas.
- Sei... Ocê viu como a cidade ficou, né, prima?
- É, vi sim... Ó. Eu ainda tenho que comprar mais comida, dar um jeito de ir em Juiz tentar achar pelo menos um joguinho de copo e prato pro posto e fazer a cobrança lá na prefeitura. Quer ir me dar uma força?
- Tanto faz, já fiquei de bobeira o dia todo mesmo... Eu te ajudo a não bater na cara de ninguém lá. Fica por quanto tudo, escocês?
- Pode ficar por conta. Ainda tô devendo aqueles cachês pras duas, mesmo.
- Valeu então. Tchau, garotas!
- Tchau, Lexi!
Alexia escora no ombro de Bárbara.
- Pôxa, a coisa tá braba, hem, prima?

Uli e os dois forasteiros sobem a ladeira principal da cidade no pré-histórico carro do jamaicano, a passos de tartaruga.

- Como se fosse pouca a pindura que eu vivo- Diz Ulysses- Ainda tenho que arrumar gaita pra re-levantar a Aterro FM, eu mereço...
- Dizaí, truta- Pergunta Manolo, degustando um intragável “podrão”, o popular cachorro-quente de rua- Onde é tua casa?
-Acabou de respingar ketchup na minha sala de estar...
- Ué, como assim? Tu mora nesse carro?
- Desde os 15 anos, maluquinho. Nada de conta pra pagar, nada de imposto, vivendo com um sifão no tanque dos outros aqui, uma chupeta na bateria ali, rum e fumo a hora que dá vontade... Quer coisa melhor que isso?
- Ah, quero sim!- Brinca Jakson.- E como tu vai consertar a rádio pirata?
- Espera que ocêis vão ver, skatista... Ocêis vão ver!

Eles param de frente para a obra da nova prefeitura.

- Numa obra?- Jakson se espanta- Tem algum técnico em eletrônica ali?
- É meu braço-direito aqui na cidade, o Josué. O gringo é tão forte e alto que, mesmo ficando de frente com ele, ocê ia precisar dum binóculo pra enxergar o nariz.
- Exagerado...

No último andar do andaime, Josué carrega um balde imenso, cheio de massa, com as duas mãos. Deixa o balde na tábua do andaime e encosta o cotovelo no cano pra descansar. Uli grita o nome dele, que perde o equilíbrio ao olhar para baixo e cai do andaime, ficando com o pescoço enroscado na corda de uma polia, dependurado no ar. Manolo e Jakson ficam apavorados!

- Caralho!- Diz Jakson.
- Viu o que tu fez, sorrisão?- Diz Manolo- Tu matou o cara enforcado, véio!
- Sem pró, cariocas... Isso acontece com ele quase toda semana!

Josué de repente abre os olhos, como se fosse Jason Voorhees voltando do inferno. Tenta tomar todo o ar que consegue, soltando um grunhido semelhante ao de um jegue. Ele fecha a boca e prende a respiração. De repente, o pescoço dele estufa tanto que arrebenta a corda. E ele cai no chão numa cambalhota, em perfeita segurança, diante de Uli e dos dois forasteiros boquiabertos. Ulysses, que já tem a altura de um jogador de basquete, fica do tamanho de um amendoim ao lado do colega. Diante dele, os forasteiros mais parecem Davis diante do Golias.

- E aí, Ulysses? Qual é o papo?
- Jô, nossos novos comparsas, Mad Manolo e Jakson.

Ele aperta a mão dos dois, que continuam estarrecidos.



Um comentário:

  1. Os personagens são totalmente fora do esquadro, completamente fora do habitual, em tudo.

    ResponderExcluir